Hora do café... A minha Moka

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Não gosto de café,  só tomei a vez que experimentei, fiz careta e coloquei pra fora quando ainda era criança.Só sei do gosto mais ou menos que ele tem porque beijo o meu marido logo de manhã cedo. Mas o aroma do danado é bom, adoro e confesso que vez ou outra penso: "Poxa, todo mundo a minha volta é viciado em um cafézinho, menos eu", fico "triste" e me sinto deslocada , trauma.

Daí que já ouvi falar que o café feito em uma Moka, também conhecida como Cafeteira Italiana, é um dos melhores no quesito sabor mas tem todo um ritual pra se preparado viu? Segundo os bem entendidos é preciso que se tenha alguns cuidados (confiram aqui.)

Com a chegada da minha mãe e do seu hábito de uma xícara de café a cada  respiração profunda, fomos atrás de uma dessas pra sustentar o vício da pessoa. Encontramos essa mini, que faz 3 xícaras por vez de um café saboroso e digno (segundo ela e maridex).





E só pra empolgar o público amante do pretinho, achei esse texto no blog A linha e o papel, que mostra 8 motivos para usar uma Moka:
  1. Não utilizam filtros de papel, o que significa menos resíduos (e menos fabricação, embalagem e transporte de um agregado desnecessário);
  2. São feitas quase inteiramente de alumínio, material altamente reciclável;
  3. Sua técnica utiliza pressão, imitando o funcionamento de uma máquina de expresso, e com isso consegue um café mais encorpado e aromático usando menos pó;
  4. Vão direto ao fogão, sem consumo de energia elétrica;
  5. Seu design simples e robusto – ao total são somente 9 componentes – garante a durabilidade e uma cadeia produtiva mais eficiente (menos cabos, menos componentes elétricos, menos botões. E a ausência de vidro é garantia de menos embalagem de proteção durante o transporte);
  6. Pode durar toda uma vida, considerando a troca esporádica do selo interno de borracha;
  7. Os diversos tamanhos disponíveis permitem que você escolha o mais adequado às suas necessidades ou estilo de vida;
  8. É um produto que dificilmente ficará obsoleto (diferentemente de algumas cafeteiras que são verdadeiros “gadgets”), prova disso é que seu design se mantém praticamente intacto desde a concepção em 1933.

*** Vovó diz que sempre foi viciada nesse "troço" e que pode faltar tudo em sua vida, menos café e pão. Na verdade, essa é a receita pra se viver muito.

22 comentários:

Poderosa Ponto Com 21 de outubro de 2009 16:05  

Hj eu fiz o meu post pensando em vc. Vá lá na minha casinha dar uma olhada. Passei ontem num antiquário e fotografei muitooooooooo!!!!
Lembrei até da vó.... achei uma máquina de costura daquelas bem mais antigas que a da sua vó.
Bjo...

Fernanda Teles 21 de outubro de 2009 16:07  

Eu tb nunca gostei de café. E também sempre fui viciada no cheiro, até mesmo do pó de café - hummmm
Não sei se a engenhoca aí funciona mas acho quevale fazer um esforço, sempre me senti deslocada com essa história de não beber café rs.
O pior de tudo é que tb não gosto de chá?
Me diz o que sobra pra uma pessoa como eu?
Como diz minha irmã: Sobra se jogar da janela rs

Fala Mãe! 21 de outubro de 2009 16:14  

Eu tenho uma dessas Ana, só que maior, para 6 xícaras. Eu tb não tomo café, adoro o cheiro, mas puro me dá um a dor de estômago. Marido tb não toma, ou seja, é só pras visitas rs, mas elas gostam rs. Ah, capuccino eu adoro! Lindo o qaudrinho do fundo.b eijos

Luciana Casado 21 de outubro de 2009 16:17  

Oi Aninha e Vó! Sabe que nunca tinha me interessado em saber mais dessa cafeteira. Adorei o post!
Vou até olhar no super para ver se tem, pq eu sou viciada em café, mas o maridex não!
Dae eu nem faço, porque sempre sobra e fica ruim... :\
Brigadão pela dica!!
Bjus, Lu

Luciana Casado 21 de outubro de 2009 16:22  

Estou lendo vorazmente o blog que tu sugeriu! hehehehe

Dorinha Junqueira 21 de outubro de 2009 16:53  

também não gosto de café não, mas o cheio me enche a boca d´água.. E café com leite é uma tentação, adoro, mas não posso afe..
mas gosto clarinho só com uma lembrança do café..

beijos beijos

Tamy 21 de outubro de 2009 17:08  

eu to querendo uma cafeteira dessa!!!!

Brechó Recicle Online 21 de outubro de 2009 17:19  

Aninha...Aninha... Vou ter que comprar a tal da Moka!!!
Vc sabe né?! Se tem a ver com sustentabilidade... Tem a ver comigo...Rsrs... E vc nem me enviou esse link!! Ainda bem que estou sempre te visitando, né?!
Vou lá comprar...Fui...Bj,
Paula

Lana 21 de outubro de 2009 17:20  

Realmente, o café feito por essas cafeteiras são deliciosos. Tomei pela primeira vez quando aluguei um quarto de uma italiana, a Carmela, mas ela dizia que só funcionava com café moído na hora, mas pelo visto não, né? Funciona com café comprado no mercado também.
Beijos

** Juju ** 21 de outubro de 2009 17:23  

Engraçado que qdo vc diz que não toma café as pessoas te olham meio atravessado..kkk Não gosto nem do cheiro Ana, nada nadinha de café. Meu marido passa na casa da minha mãe pra tomar um golinho..rs. Mas adorei a dica. Beijos

Bia Bueno 21 de outubro de 2009 17:49  

como usa???

eu tenho, mas soh a minha faxineira aprendeu a usar.

Rosi 21 de outubro de 2009 18:15  

Somos 2 que não gostam de café, minha mãe é cafezeira de carteirinha e já usou muito essa cafeteirinha aqui se chama cafeteira italiana, para nós q não tomamos café ele fica mais forte...enfim caf;e p mim só se eu tô trabalhando e me dá um sono incontrolável aí tomo um copinho preto, sanão, naninão...

bjs

Maris 21 de outubro de 2009 19:43  

Nossa, é muito mais gostoso mesmo????? Pq assim, eu até gosto de café (com leite), mas num faço todo dia não (pura preguiça)!! Além do que, escurece os dentes!!! Todo mas leite com achocolatado ou cappucino em pó no café da manhã. Ou iogurte (AMO!!!). Mas quando faço café (às vezes me dá vontade de tomar um cafezinho com leite e pão, assim como sua vovó!!!), acabo fazendo na cafeteira elétrica mesmo!!! E olha que já vi umas MOKAS dessas lindinhas pra vender, com cabo de vaquinha, etc, etc!!! E nunca comprei pq achava que num valia a pena, num tinha diferença!!! Mas agora tô cogitando comprar!!!!
Bjos, Ana!!! Vc sempre com dicas maravilhosas!!!! Bjos, pro Vinícius tb!!!!

Shilola 21 de outubro de 2009 20:26  

Agora fiquei curisosa!
Ana, que danada que vc é!
Bjocas,
Carol

Janete Pinho 21 de outubro de 2009 21:32  

Oi Ana,
Eu adoro café. Sou viciada num cafezinho depois do almoço. É sagrado! Almoço sempre fora e na sequencia, um expresso. E em casa tomo café coado. Até tenho uma cafeiteira que faz expresso, mas quase não uso. Não acho prático e nem fica muito bom. Achei super legal seu post sobre a Moka. Ainda não tenho uma e com estas dicas me animei ainda mais a comprar uma. E menina! Você não sabe o que tá perdendo de não tomar café... é a bebida dos deuses :).
Beijos,

Lúcia 21 de outubro de 2009 21:46  

Também tenho uma! Nem sabia que esse é o nome! Não sou muito fã de café puro, mas com creme ou capuccino, ahhhh, é tão bom :P!
Bjins

Fernanda de Oliveira 21 de outubro de 2009 23:13  

Oi Ana, eu tenho uma dessa, das pequenas e confesso que a única vez que tentei usar fiz uma sujeirada no fogão que garrei um ódio e nunca mais usei... só que fui lá no blog que vc indicou e vi que andei fazendo da forma errada, pois a tampa tem que ficar aberta... vou testar e depois te conto.

Dizem que o saber do café nessas cafeteiras é realmente muito melhor e que quem tem não troca por outra... eu tenho e trocaria por uma de fazer café expresso!!! hehehe

Brincadeirinha, vou tentar aprender a usar direito e depois conto se ainda quero trocar!

Outra coisa, no meu último post eu pedi um favorzinho para meus amigos blogueiros e gostaria que vc fosse dar uma olhadinha, pleeease!

Beijinho =)

Roberta M. 22 de outubro de 2009 07:53  

Ana, palavra de viciada em café, essa cafeteira ajuda muito, morei na Itália um tempinho e eles são loucos e até um tanto neuróticos com ela, sobre o lavar, que não pode por sabão, só agua e outras nóias que desconcidero 100%, café é prazer e não neurose hahahaha
beijos querida!! e Vó queridinha tb!!

Elvira 22 de outubro de 2009 13:54  

Aqui em casa nós temos e de vários tamanhos.
É tão fácil de usar que até eu aprendi...

Bjs.
Elvira

http://evipensieri.wordpress.com/

Dolores 22 de outubro de 2009 23:41  

Eu tenho uma Moka.
Adoro café e essa cafeteira além de eficiente (faz um café delicioso), esbanja charme.
Beijo

erika_ees 23 de outubro de 2009 23:10  

Olá,
Primeiro, parabéns pelo seu blog!
Mas não liga não...eu tb odiava café qdo criança...Só mudei de idéia no meu primeiro emprego, para me manter acordada...Ainda mais que eu trabalhava numa sala, sozinha e sem ninguém para bater papo, e ainda era a sala que ficava a cafeteira...Na pilha por algo doce após o almoço, nada mais restava do que ele, o meu amigo café...Mas hoje eu prefiro ele mais para quase sem açúcar. Espresso então, hum...delícia!
Continue com os posts, sempre legais e recheados de dicas :)
Abraços,
Erika

Eva 24 de outubro de 2009 03:21  

Eu ando desejando uma dessas há muito tempo. E agora depois de todas estas razões ecopráticas eu fiquei com ainda mais vontade de ter a bichinha.

Sou chegada em um cafezinho, viu?

Postar um comentário

A Casa recomenda

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP